Mensagens Virtuais - Humor

Homens na Balada

O MAROMBADO
Esse tipo provavelmente estará trajando camiseta justinha. Isso porque ele precisa mostrar cada centímetro de seu bíceps, conquistado com horas de academia e suplementos alimentares de cavalo. Ele é um tipo armário e tá se achando, portanto, quando vai para pista... saiam de perto! Com um gingado de madeira-de-lei, ele "dança" executando séries e mais séries de movimentos com os braços... Passará a noite fazendo essa dança ao redor da "TÔ ME ACHANDO".

O TOPETE+CAMISETA+CAMISA
Balada para esse tipo é dia de vestir essa combinação básica! Penso que essa moda só pode ter sido lançada por algum tipo, em propagandas de marcas conhecidas.O fato é que e este tipo, também conhecido como mauricinho, segue esse estilo como se fosse membro de uma seita. Anda em bandos e todos seguram uma bebida enquanto ficam em rodinhas babando para as "TÔ ME ACHANDO", zoando as "PORRA-LÔCA" e fugindo das "AMIGA INHAS". Esse tipo fica grande parte da noite passando a mão no topete, arrumando os fios rebeldes enquanto finge estar curtindo a balada com a galera da seita.

O PSEUDO-INTELECTUAL DA BALADA
Esse é aquele que, como TODO HOMEM, avalia as mulheres pelo quesito BPPC (bunda, perna, peito, cara), mas... tem a cara-de-pau de chegar junto, secar seu decote e falar: "Oi... você leu o último livro do Saramago? ". Esse tipinho não vai para a pista. Afinal, ele curte mesmo é... JAZZ! Obviamente ele acha que o Jô Soares é o maior músico de jazz do mundo! Enfim, esse pseudo- intelectual-man passa a noite no bar bebendo... uísque, porque cerveja é muito povão! Como na maioria dos casos ele é desprovido de beleza, tem de arregaçar as mangas para mostrar seu rolex novinho e ver se sua "intelectualidade" chama a atenção de alguma nota A em BPPC.

O AFOBADINHO ALCOOLIZADO Esse tipo são os tímidos, tiozões (de 18 a 60 anos, porque estilo tiozão não tem idade), rejeitados, complexados, depressivos, enfim, todo o público-alvo das empresas de bebidas alcoólicas. Eles ficam ali na porta do banheiro feminino (!!!) curtindo aquele cheiro de pinho sol com xixi enquanto mandam ver no décimo copo de álcool. Aí fazem a alegria das AMIGA INHAS quando bolinam as meninas com cantadas grotescas ou se jogam em cima das passantes. No começo da balada até dá para entender aUAL DA BALADA Esse é aquele que, como TODO HOMEM, avalia as mulheres pelo quesito BPPC (bunda, perna, peito, cara), mas... tem a cara-de-pau de chegar junto, secar seu decote e falar: "Oi... você leu o último livro do Saramago? ". Esse tipinho não vai para a pista. Afinal, ele curte mesmo é... JAZZ! Obviamente ele acha que o Jô Soares é o maior músico de jazz do mundo! Enfim, esse pseudo- intelectual-man passa a noite no bar bebendo... uísque, porque cerveja é muito povão! Como na maioria dos casos ele é desprovido de beleza, tem de arregaçar as mangas para mostrar seu rolex novinho e ver se sua "intelectualidade" chama a atenção de alguma nota A em BPPC.

O AFOBADINHO ALCOOLIZADO Esse tipo são os tímidos, tiozões (de 18 a 60 anos, porque estilo tiozão não tem idade), rejeitados, complexados, depressivos, enfim, todo o público-alvo das empresas de bebidas alcoólicas. Eles ficam ali na porta do banheiro feminino (!!!) curtindo aquele cheiro de pinho sol com xixi enquanto mandam ver no décimo copo de álcool. Aí fazem a alegria das AMIGA INHAS quando bolinam as meninas com cantadas grotescas ou se jogam em cima das passantes. No começo da balada até dá para entender as coisas idiotas que o tipo fala, mas lá para o meio da noite, eles tomam sua forma real, a de ANTAS, e passam a emitir apenas grunidos. No fim da noite, ele s não terão "catado" ninguém porque quando alguma AMIGA INHA ia aceitar a "corte" do tipinho, ele desmaia e vai atrapalhar o sono de algum residente de plantão no HOSPITAL DAS CLÍNICAS: coma alcóolico na certa.

A PESSOA EM DIA "FUN FOR ME" Suas vestimentas são adequadas e ele vai abilolar na pista com um bom humor de dar gosto!!! Conhece todas as músicas e sabe exatamente o que fazer com braços, cabeça, pernas! Não fica bêbado apesar de beber boas doses de álcool. Se você estiver a fim, ele vai adorar dançar com você. Tem um ótimo papo e é super educado e gentil: abre passagem, entra na muvuca do bar para comprar bebida para você e te ajuda a prender aquela mecha de cabelo que cai insistentemente em seu rosto. Enfim, ele é o par perfeito para uma balada. Ah... sim, ele é gay!!!



Mais mensagens

Mande esta mensagem para um amigo seu:

Seu Nome:
Seu E-mail:
E-mail do Amigo: