culinária > Receitas Francesas

Arroz-doce com frutas

Bacalhau de Avignon

Baguete Francesa

Batata Assada

Boeuf Bourguignone Clássica

Brioches

Brochette de frango com ervas

Cassoulet de porco

Clafoutis ao kiwi

Coelho na Mostarda

Consomê de Frio de Tomates

Creme ao Figo e Pistache

Éclair Light de Laranja

Enfornadinhos de arroz e abobrinha

Escargots à borgonha

Filé au poivre

Frango ao molho de vinho tinto

Frango Poché

Molho Bernaise

Molho Chasseur

Molho Roquefort

Molho Thermidor

Molho Vert

Mousse de Agriãp

Mousse de Chocolate Branco e Preto

Profiteroles au Chocolat

Profiteroles com Creme de Baunilha

Quichê de legumes e pancetta

Quichê Loraine

Salada Colmarienne

Salada de Frutas ao Licor

Salmão com Queijo

Sopa de Cebola Parisiense

Sopa de Mexilhão com Açafrão

Sufler de Roquefort

Tomates e cebolas à moda mediterrânea

Torta de Macasucree

Torta Mousse

Velouté de Agriões

Vol-au-vent com tapenade

A França é bastante conhecida no mundo inteiro pela grande variedade de seus perfumes. Mas o requinte e a fineza de sua culinária tornam a França um lugar saboroso de se conhecer. Com uma variedade de pratos requintados, o Chefs franceses são importados para o mundo todo levando em sua bagagem um conhecimento e com certeza saindo a frente de muitos outros concorrentes. Queijos e vinhos são em sua maioria as maiores especialidades da França.

Cafés e restaurantes são facilmente encontrados nas cidades francesas, onde dispões de seus croissants ou baguetes deliciosos e delicadamente preparados, sem falar nos caldos deliciosos que devem ser, segundo seus chefs, vagarosamente deliciados para aproveitar melhor o sabor da refeição.

Claro que assim como na maioria dos países, a culinária varia de acordo com a região. Os franceses do sul, por exemplo, já usam mais o azeite de oliva no lugar da manteiga, pois acreditam que, além de deixar mais sadio o azeite leva mais sabor ao prato. Outra diferença que caracteriza o sul da frança é a preferência pela cerveja e não vinho no tempero dos alimentos mais bem elaborados.

Muito consumido aqui no Brasil, o pão francês está entre os destaques da culinária francesa. Ele recebeu destaque pela forma artesanalmente que era cozinho nos tempos dos reinados franceses, sem falar que era uma iguaria completamente aristocrática. Ao ultrapassar a fronteira francesa, o pão foi adaptado de acordo com o gosto de cada país, mas manteve suas características principais que é a massa fina feita apenas a base de sal, farinha e água.

Com a modernização do consumismo, a principal característica da cozinha francesa, a forma artesanal como as comidas eram feitas, foi perdendo um pouco a prática e o costume. Hoje em dia, com mães não tão disponíveis apenas à cuidar da casa e filhos, sobra menos tempo para cozinhar pratos tradicionais, pois requer tempo, dedicação e cuidado. Mas apesar, dos enlatados e pré – cozidos serem produtos altamente consumidos pelos franceses, pelo menos uma vez a cada semana, ainda mantém – se o hábito de famílias reunirem – se para um belo jantar regado a vinhos e queijos, e pratos tradicionais e especialmente feitos para a ocasião. Alguns bons restaurantes também, ainda guardam a tradição em seus cardápios, principalmente para visitantes conhecerem um pouco mais sobre a cultura de seu país.